Cidade do Porto - Final do Século XIX

Views:
 
Category: Entertainment
     
 

Presentation Description

A propósito do livro "Rio do Esquecimento", de Isabel Rio Novo.

Comments

Presentation Transcript

À conversa com a escritora Isabel Rio Novo :

À conversa com a escritora Isabel Rio Novo SEMANA DA LEITURA 2018 Auditório da Escola Secundária António Sérgio V. N. Gaia 17-04-2018, 14h30

Slide2:

http ://doportoenaoso.blogspot.pt/2017/10/o-porto-atraves-de-uma-panoramica-de.html Alameda da Lapa por volta de 1881

Slide3:

Egreja ou real capella de Nossa Senhora da Lapa, no Porto. http://doportoenaoso.blogspot.pt/2017/10/o-porto-atraves-de-uma-panoramica-de.html

Slide4:

No inverno de 1864, Miguel Augusto deixou o Rio de Janeiro fraco e doente para vir morrer na cidade natal, num palacete magnífico todo cercado de jardins, que tomara ao cimo da rua de Santa Catarina e que era conhecido como Casa das Camélias. A Ribeira, por Carlos Relvas (1865) .

Slide5:

(Miguel Augusto) Além da fortuna, trouxera dos trópicos uma enfermidade rara e quase desconhecida, que ditava a morte depois de febres, delírios ardentes e tormentos vários. http://obscurumvitae.blogspot.pt/2012/01/peste-e-morte-no-rio-oitocentista.html

Slide6:

O Vapor em que atravessou o oceano fundeou defronte de Massarelos num daqueles fins de tarde gelados tão habituais na cidade

Slide7:

O vapor “veloz” na Barra do Douro

Slide8:

1905

Slide10:

Cais de Massarelos – cerca de 1910 http://portoarc.blogspot.pt/2015/11/rio-douro-xxvii.html

Slide11:

Vista de Massarelos, 1860 http://portodeantanho.blogspot.pt/search/label/Massarelos (Vila Nova de Gaia) Em 1848, a cidade saía definitivamente da guerra civil, com o bom aspeto de ruas asseadas, bem calçadas, passeios cómodos e vastos edifícios de particulares.

Slide13:

https://cascalenses.blogs.sapo.pt/2016/09/ Ponte Pênsil D. Maria II - Inaugurada em fevereiro de 1843

Slide16:

http://monumentosdesaparecidos.blogspot.pt/2013/10/ (...) Teresa Augusto, dizíamos, passava por ser, segundo os hábitos superlativos do burgo, a menina mais formosa da rua de Santa de Santa Catarina. Esquina das Ruas Santa Catarina e Paços Manuel

Slide17:

Ainda assim, aos domingos de tarde ou em noite de fogo-de-artificio, com os arcos alinhados a cintilar a luz crua do gás, destacava-se das meninas macilentas que se espalhavam pela alameda das tílias do Palácio de Cristal, (...)

Slide18:

http://gisaweb.cm-porto.pt/units-of-description/documents/48554/fullscreen

Slide20:

http://portoarc.blogspot.pt/2012/12/ http://visao.sapo.pt/actualidade/visaose7e/livros-e-discos/2016-12-26-O-Douro-parado-no-tempo-nas-imagens-do-sec.-XIX-de-Emilio-Biel (...) Vinham as brasileiras endinheiradas de Vila Nova de Gaia, da Rua de S. João, da Rua dos Ingleses, as mulheres e as filhas dos lojistas da Rua de Santo António e da Calçada dos Clérigos, (...)

Slide22:

Praça da Liberdade com carros americanos em meados de 1880 http://historiaschistoria.blogspot.pt/2015/07/

Slide23:

Postal ilustrado de 1906 da Rua dos Clérigos com carro elétrico subindo pela esquerda

Slide24:

  Postal ilustrado com vista da Torre dos Clérigos do Campo Mártires da Pátria de finais do séc. XIX

Slide25:

http://monumentosdesaparecidos.blogspot.pt/2014/02/obelisco-da-igreja-de-st-ildefonso-porto.html

Slide26:

Gravura da época https://coisasdoarco-da-velha.blogspot.pt/2006/11/normal-0-21-false-false-false-pt-x-none.html Mas tanta coisa acontecera de estranho na cidade depois que a 12 de maio de 1861 o barão de Forrester desaparecera nas águas turbas do rio, (...)

Slide27:

https://coisasdoarco-da-velha.blogspot.pt/2006/11/normal-0-21-false-false-false-pt-x-none.html Em 1831 Joseph juntou-se à empresa vinícola de um tio seu no Porto, e iniciou uma reforma no comércio de vinhos. Mas tanta coisa acontecera de estranho na cidade depois que a 12 de maio de 1861 o barão de Forrester desaparecera nas águas turbas do rio, (...)

Slide28:

(...) No princípio de janeiro, o rio transpusera as margens, atravessando as ruelas da Ribeira. http://monumentosdesaparecidos.blogspot.pt/2012/11/porto-cheias-do-rio-douro-em-1860-e-1909.html

Slide29:

(...) No princípio de janeiro, o rio transpusera as margens, atravessando as ruelas da Ribeira . http://monumentosdesaparecidos.blogspot.pt/2012/11/porto-cheias-do-rio-douro-em-1860-e-1909.html

Slide30:

http://monumentosdesaparecidos.blogspot.pt/2012/11/porto-cheias-do-rio-douro-em-1860-e-1909.html

Slide31:

Mais ou por essa altura, (...) persuadiu Maria Adelaide a deslocar-se ao ateliê de Miguel Novais na rua do Bonjardim (...) http://portoarc.blogspot.pt/2015/07/governo-politico-v.html

Slide32:

http://monumentosdesaparecidos.blogspot.pt/2012/11/porto-cheias-do-rio-douro-em-1860-e-1909.html

Slide33:

Antigo Mercado da Ribeira em 187? http://gisaweb.cm-porto.pt/units-of-description/documents/326518/

Slide34:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File%3APorto%2C_Domingos_Alv%C3%A3o_cx0250_alv0009_(9292310884).jpg

Slide35:

» « x Rua Mouzinho da Silveira

Slide36:

Rua Escura e fonte de São Sebastião, em 1900.

Slide37:

Criada de servir http://portoarc.blogspot.pt/2014/02/

Slide38:

Aguadeiro galego Documento subordinado/Ato informacional, (199?) – (199?) http://gisaweb.cm-porto.pt/units-of-description/documents/257680/?

Slide39:

Em maio de 1895, por ocasião do aniversário da sua mãe, João Francisco Clarange encomendou especialmente a um conhecido marceneiro da Rua do Almada uma magnífica cadeira de encosto, (...)

Slide40:

Primeiro comboio chega a S. Bento, Porto, 1896

Slide41:

https://www.atwilltours.com/streets-porto-clerigos/

Slide42:

http://lh3.ggpht.com/_FkKgTDI7ngU/TBtlQ0n4s5I/AAAAAAAAEK4/fH3AnyRveaM/s1600-h/tc9%5B6%5D.jpg

Slide43:

http://lh3.ggpht.com/_FkKgTDI7ngU/TBtlUD4rnjI/AAAAAAAAELI/yVwkbGV_Kjc/s1600-h/tc12%5B6%5D.jpg

Slide44:

Americano na Praça Carlos Alberto http://lh3.ggpht.com/_FkKgTDI7ngU/TBtlXXZuECI/AAAAAAAAELY/-mllcmoXmII/s1600-h/tc11%5B6%5D.jpg

Slide45:

http://portoarc.blogspot.pt/2016/04/emigracao-para-o-brasil.html Jornal “Comércio do Porto” Notícia do portugueses que partem para o Brasil

Slide46:

Emigrantes para o Brasil esperando bilhete de embarque no Largo de S. Domingos – 1910

Slide47:

Emigrantes para o Brasil – Leixões – 1913 http://portoarc.blogspot.pt/2016/04/emigracao-para-o-brasil.html

Slide48:

https://1.bp.blogspot.com/-vmb-W3CRu_4/V9F0YnK75nI/AAAAAAAATU8/PPpXu1yhBfAJ4ifhdrQEWRQjDH-m3Q3LACLcB/s1600/P%25C3%25AAnsilV2.jpg

Slide49:

A ponte Pênsil D. Maria II e a Ponte Luís I coexistiram durante um curto período de tempo, entre 1886 e 1887. http://calcadadamiquinhas.blogspot.pt/2012/04/ponte-dmaria-ii.html

Slide50:

Avenida da República (designada inicialmente Avenida Campos Henriques) em 1886, Ano de inauguração da Ponte Luís I. http://calcadadamiquinhas.blogspot.pt/2012/07/a-avenida-de-vila-nova-de-gaia.html

Slide53:

https://webookporto.wordpress.com/2015/08/25/o-tempo-das-vindimas-no-douro-em-meados-do-seculo-xix/

Slide54:

https://genealogiafb.blogspot.pt/2015/04/testamentos-distrito-do-porto.html

Slide56:

http://portoarc.blogspot.pt/2017/12/testemunhos-e-memorias-sobre-o-porto_22.html

Slide57:

No local onde hoje se encontra o Palácio da Justiça, existiu a Capela do Senhor Jesus do Calvário Novo FIM

authorStream Live Help