Unidade 1 H Brasil

Views:
 
Category: Education
     
 

Presentation Description

No description available.

Comments

Presentation Transcript

BRASIL COLONIA :

BRASIL COLONIA Do Achamento à Montagem do Sistema Administrativo da Colônia

PowerPoint Presentation:

1 -O Achamento do Brasil 22 / Abril / 1500  “Descobrimento do Brasil” Achamento casual ou proposital? Bula Intercoetera 1493 X Tratado de Tordesilhas 1494 Experiência dos navegadores portugueses Duarte Pacheco 1498 A experiencia de Cabral Saída do Brasil Carta de Caminha

PowerPoint Presentation:

2 - CARACTERÍSTICAS GERAIS DO PERÍODO COLONIAL Colônia de exploração para atender o mercado europeu. Monocultura. Agroexportação. Latifúndio. Escravismo . Pacto Colonial (monopólio de comércio da metrópole sobre a colônia). Plantation

PowerPoint Presentation:

COLÔNIA METRÓPOLE MONOPÓLIO Comercio de manufaturas Preços Altos Envio de matéria-prima Custo Baixo

PowerPoint Presentation:

3 - O PERÍODO PRÉ-COLONIAL (1500 – 1530): BRA em 2º plano: comércio com as Índias + ausência de metais preciosos. Pau-Brasil Fabricação de tintura para tecidos. Escambo com índios. Colonização: Medo de perder as terras para invasores. Decadência do comércio com as Índias. Esperança de encontrar metais preciosos. O PAU BRASIL

PowerPoint Presentation:

ÁREAS DE EXPLORAÇÃO DO PAU BRASIL

PowerPoint Presentation:

Administração Colonial Capitanias Hereditárias (Descentralização Política) Motivos: Sem gastos para Portugal Experiência Rápida Colonização Documentos: Carta de Doação Foral

PowerPoint Presentation:

Fracasso no Sistema de Capitanias Hereditárias : Desinteresse Perigo Falta de Comunicação Falta de Recursos Únicos Sucessos: PERNAMBUCO e SÃO VICENTE

PowerPoint Presentation:

Os Governos Gerais: Correção de erros das Capitanias . Centralização Administrativa. Cargos auxiliares: Ouvidor-mor (justiça), Provedor-mor (tesouro – cobrança de impostos), Capitão-mor (defesa). As Câmaras Municipais: Instâncias de poder local. Homens bons (homens brancos e ricos proprietários de terra).

PowerPoint Presentation:

4 - O CICLO DO AÇÚCAR Séc. XVI e XVII (auge). Litoral do Nordeste (BA e PE). Solo e clima favoráveis. Experiência de cultivo (Açores, Cabo Verde e Madeira). Mercado consumidor. Alto valor na Europa. Participação de capital holandês: financiamento da produção, transporte, refino e distribuição na Europa.

PowerPoint Presentation:

A PRODUÇÃO AÇUCAREIRA NO BRASIL

PowerPoint Presentation:

Engenhos (unidade produtiva básica): Casa Grande (residência do senhor de engenho e família). Senzala (ambiente insalubre destinado aos escravos). Capela- Ritos religiosos Fabrica- Moenda e Casa de Purgar Lavoura – De Cana - De Subsistencia CASA GRANDE SENZALA

PowerPoint Presentation:

Outros produtos: Suporte para a lavoura canavieira. GADO (exploração do interior, couro, tração, carne, leite, pecuária extensiva, trabalho livre). FUMO (troca por escravos na África). DROGAS DO SERTÃO: produtos extraídos da floresta amazônica com relativo valor na Europa, tais como anil, guaraná, salsa, corantes, e sobretudo o cacau.

PowerPoint Presentation:

A ECONOMIA COLONIAL NO SÉCULO XVII

PowerPoint Presentation:

5 - UNIÃO IBÉRICA E INVASÕES HOLANDESAS União Ibérica (1580 – 1640): Período em que POR e ESP foram governados pelo mesmo rei Felipe II da ESP. D. Sebastião (POR) morre em 1578 sem deixar sucessores. D. Henrique, seu tio já idoso assume o trono e falece em 1580, também sem sucessores. Felipe II, rei da ESP invade o país e impõe governo conjunto. Possessões portuguesas passam a ser da ESP. D. SEBASTIÃO FELIPE II

PowerPoint Presentation:

Tratado de Tordesilhas começa a ser ultrapassado. Inimigos da ESP na Europa invadem o BRA em represália ao governo espanhol (ING e FRA). HOL, um dos inimigos da ESP é impedida de fazer comércio em qualquer possessão espanhola. Comércio do açúcar no BRA que tinha participação holandesa é atingido. Holandeses invadem o BRA tentando romper o bloqueio espanhol ao comércio de açúcar.

PowerPoint Presentation:

As invasões holandesas (1624 – 1654): 1624 – Invasão da BA (fracasso). Resistencia da Igreja Católica.(Bispo D. Marcos Teixera) Criação da Companhia das Índias Ocidentais. 1630 – 1654 – Invasão de PE (maior centro mundial de produção açucareira).

PowerPoint Presentation:

Maurício de Nassau – governante holandês responsável pelo controle de PE e estabelecer um clima amistoso com os brasileiros. Modernização e urbanização. Embelezamento de cidades (com a vinda de artistas holandeses). Financiamento para donos de engenho. Liberdade de culto. Demitido em 1644 pela CIA. das Índias Ocidentais. MAURÍCIO DE NASSAU

PowerPoint Presentation:

Insurreição Pernambucana (1645 – 54): movimento luso-brasileiro que expulsou os holandeses do BRA. Conseqüência da expulsão dos holandeses : início da crise do ciclo do açúcar pois os holandeses ao saírem do BRA instalam-se nas Antilhas (América Central), produzindo lá um açúcar mais barato e de melhor qualidade que o nosso. AS ANTILHAS

PowerPoint Presentation:

6 - Movimento Bandeirantes Definição - Expedições particulares de penetração pelos sertões em busca de metais preciosos e captura de índios. Destaque: Desrespeito a Tordesilhas. Tipos de Bandeiras PROSPECÇÃO- Busca de metais preciosos PREAÇÃO- Caça e escravização do Índio MONÇÕES- Comércio fluvial SERTANISMO DE CONTRATO- Captura do Índio e Quilombolas

PowerPoint Presentation:

EXPEDIÇÕES BANDEIRANTES

PowerPoint Presentation:

7 - A Mineração no Brasil Colonia Período- Séc. XVII e XVIII Incidência- Goiás, Mato Grossoe e principalmente Minas Gerais Desenvolvimento Descoberta- 1695 – 1750 Apogeu – 1750 – 1770 Decadência- 1770 - 1785

PowerPoint Presentation:

Diferentes formas de extração do ouro A Lavra Grande empresas mineradora Extração em grandes jazidas Uso de mão-de-obra de escravos africanos Grande Impacto ambiental Foi o tipo de extração mais freqüente no auge da mineração Faiscação Pequena extração aurifera Trabalho livre do próprio garimpeiro Excepcionalmente uso de ajudantes ou escravos Possibilidade de formação de pecúlio para o escravo Mínimo impacto ambiental

PowerPoint Presentation:

ATIVIDADE MINERADORA NA COLÔNIA

PowerPoint Presentation:

Administração das Minas Gerais Intendência- Órgão Máximo da administração das Minas Casas de Fundição- Fundia e quintava o ouro tornava crime a circulação de ouro em pó ou em barras não quintadas Quinto- Imposto que correspondia 20% do ouro minerado Capitação- Imposto cobrado sobre os escravos que rabalhavam nas minas 13g/ano por escravo Derrama- Ato praticado pela Coroa sempre que a quota de 100@ por ano não fosse atingida

BARRAS DE OURO QUINTADAS:

BARRAS DE OURO QUINTADAS

SANTO DO PAU - OCO:

SANTO DO PAU - OCO

PowerPoint Presentation:

Consequencias da Mineração Febre do ouro Fundação de vilas e cidades(Vila Rica, Vila Boa, Ribeirão do Carmo) Sociedade urbana Maior difusão da riqueza e da cultura Criação de um mercado interno centrado no sudeste Transferência da capital para o rio de Janeiro

PowerPoint Presentation:

8 - REVOLTAS NATIVISTAS: Séculos XVII e XVIII (início). Sem propostas de independência. Contrárias ao Pacto Coloniais. Revolta de Beckman (MA 1684): Latifundiários X Jesuítas Causas Atritos pelo direito de escravizar índios. POR cria a Companhia de Comércio do Maranhão. Fornecimento de escravos + monopólio de comércio.

PowerPoint Presentation:

Manuel e Tomás Beckman – líderes. Resultados: Líderes enforcados. Jesuítas retornam ao Maranhão. Cia de Comércio continua atuando, embora sem o monopólio.

:

Guerra dos Emboabas (MG 1707 – 1709): Motivo: Controle da região mineradora. Bandeirantes paulistas X Emboabas (forasteiros)*. Motivo Capão da Traição : grande massacre de paulistas. Resultado SP é separada de MG. Paulistas retiram-se em sua maioria e descobrem novas jazidas de ouro em GO e MT.

PowerPoint Presentation:

Guerra dos Mascates (PE – 1710): Olinda X Recife* Causa básica: Recife obtém autonomia e Olinda não aceita. Recife confirma sua autonomia e torna-se a capital de Pernambuco (1714). Latifundiários Comerciantes portugueses Cidades de Olinda e Recife (fundo)

PowerPoint Presentation:

Revolta de Vila Rica ou de Filipe dos Santos (MG – 1720): Contra o estabelecimento das Casas de Fundição. Líder: Filipe dos Santos . Resultado: Filipe dos Santos é enforcado e esquartejado. Condenação de Filipe dos Santos

PowerPoint Presentation:

9 - REVOLTAS EMANCIPACIONISTAS: Século XVIII (final) Objetivo: separação de Portugal (independência). Influenciadas pelo iluminismo, independência dos EUA e Revolução Francesa. Inconfidência Mineira (1789): Causas: esgotamento do ouro, crise econômica, exploração abusiva de POR (impostos, derrama, proibição de produção de manufaturados na colônia – Alvará de D. Maria I 1785 ).

PowerPoint Presentation:

Líderes: elite mineira ( Joaquim José da Silva Xavier – o “Tiradentes” ). Objetivos: Separação de Portugal e proclamação da República Lema? Liberdade ainda que tardia) . Denunciada por Joaquim Silvério dos Reis. Líderes presos e degredados para a África. Tiradentes é enforcado e esquartejado (exemplo).

PowerPoint Presentation:

Conjuração Baiana ou Revolta dos Alfaiates (1798): Causas: extrema pobreza e desigualdades sociais. Objetivos: independência, República, liberdade de comércio, igualdade em todos os níveis, abolição da escravidão . Influência da Revolução Francesa (Liberdade – Igualdade – Fraternidade). Líderes: João de Deus, Manuel Faustino dos Santos (alfaiates e mulatos), Luís Gonzaga das Virgens, Lucas Dantas (soldados e mulatos) e Cipriano Barata (Jornalista). Ampla participação popular. Repressão intensa de POR. Todos os lideres enforcados

PowerPoint Presentation:

10 - O PERÍODO JOANINO (1808 – 1821) Período em que a família real portuguesa instalou-se no Brasil. Causa: fuga das tropas napoleônicas. Não adesão ao Bloqueio Continental. 1808: Abertura dos Portos. Fim do Pacto Colonial. D. Carlota Joaquina D. João VI

PowerPoint Presentation:

1810: Tratados de comércio com a ING: Tratado de Aliança e Amizade – proibição da Inquisição no Brasil e fim gradual do tráfico negreiro. Tratado de Comércio e Navegação – tarifas alfandegárias reduzidas para produtos ingleses ; porto livre (SC). Realizações de D. João: Alvará de 1º de Abril de 1808 – Implantação de Manufaturas no Brasil. Banco do Brasil. Imprensa Régia.

PowerPoint Presentation:

1815: Elevação do Brasil à categoria de REINO UNIDO A PORTUGAL E ALGARVES (legitimação da Corte no Brasil – Congresso de Viena). 1816: Missão artística francesa no RJ (vinda de vários artistas, entre eles o pintor Jean Baptiste Debret ).

PowerPoint Presentation:

Política externa: 1809 – invasão da Guiana Francesa (devolvida em 1817). 1811 – anexação da Província Cisplatina (URU) – independente em 1828. A Revolução Liberal do Porto (1820): POR – crise econômica e domínio inglês.

PowerPoint Presentation:

Objetivos: Retorno de D. João VI. Elaboração de uma Constituição para POR. Recolonização do Brasil (volta do monopólio português). 1821: D. João VI retorna a Portugal. D. Pedro assume como Pricipe Regente.

PowerPoint Presentation:

11 - O PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA (1821 – 1822): Cortes portuguesas tentam recolonizar o Brasil. Exigência da volta de D. Pedro para Portugal. JAN/1822: “Dia do Fico”. Elites coloniais brasileiras aproximam-se de D. Pedro. D. Pedro anuncia permanência no Brasil. FEV 1822- Confinamento do D. Pedro no RJ

PowerPoint Presentation:

MAI/1822: Decreto do “Cumpra-se”. JUN/1822: D. Pedro convoca Assembléia Constituinte. AGO/1822: tropas portuguesas no Brasil consideradas inimigas. 7/9/1822 : Após receber ultimato de POR, D. Pedro proclama a independência. O Grito de Independência Pedro Américo - 1888

O 1º Reinado no Brasil 1822-1831:

DEZ/1822: D. Pedro é coroado (DOM PEDRO I). O 1º Reinado no Brasil 1822-1831 Reconhecimento Interno  “Guerras de Independência” Externo 1824 – EUA- Vantagens Comerciais 1825 – Portugal – Tratado De Paz e Amizade 1826 – Inglaterra – Leis Abolicionistas

PowerPoint Presentation:

Política Interna 1823 – Assembléia Constituinte Projeto Antônio Carlos Andrada – “ Constituição da Mandioca ” Noite da Agonia – D. Pedro I dissolve a Assembléia ( 15/03/1823 ) 1ª Constituição Brasileira (1824): Outorgada. Monarquia Constitucional Hereditária. Catolicismo oficial. Igreja atrelada ao Estado (Padroado e Beneplácito).

PowerPoint Presentation:

D. Pedro defensor perpetuo do Brasil contra o Absolutismo

PowerPoint Presentation:

4 poderes: Executivo, Legislativo, Judiciário e Moderador.

PowerPoint Presentation:

Crise Econômica ( Carne, Couro, Algodão ) Imagem Absolutista ( Moderador) Confederação do Equador (1824) - Revolta separatista que envolveu PE, RN, PB e CE devido ao absolutismo de D. Pedro I - Líderes : Frei Caneca. Cipriano Barata e Manuel Paes de Andrade - Resultado : Repressão do Governo Fuzilamento de Frei Caneca

PowerPoint Presentation:

Guerra da Cisplatina ( 1825 – 1828 ) - Independência da Cisplatina, tornando-se a República Oriental do Uruguai Crise Dinástica Portuguesa (1826 – 1828) - Conflito entre D. Pedro I X D. Miguel pelo trono português após a morte de D. João VI

PowerPoint Presentation:

1828- Falência do Banco do Brasil 1831- Assassinato de Libero Badaró Noite das Garrafadas (11-13/03/1831) Portugueses X Brasileiros 07 / Abril / 1831 – Abdicação de D. Pedro I

Tratado de Tordesilhas :

Tratado de Tordesilhas

authorStream Live Help