Paula Rego - Expressão Plástica

Views:
 
Category: Education
     
 

Presentation Description

No description available.

Comments

Presentation Transcript

Slide 1: 

PAULA REGO Trabalho realizado por Andréia Andrade nº4 Fábio Machuqueiro nº8 Nábila Inglês nº14

Slide 2: 

Escola Secundária de Bocage Curso de Técnicos de Apoio à Infância Turma I do 10º ano Disciplina: Expressão Plástica Professor/a: Rui Ermitão Setembro de 2008 Ano lectivo 2008/2009

Slide 3: 

Introdução A escolha do nosso trabalho recaiu sobre a artista Paula Rego, pois consideramo-la uma das melhores pintoras contemporâneas. Decidimos conhecê-la melhor, porque achámos interessante as suas obras devido ao seu significado e à sua expressividade.

Slide 4: 

Paula Figueiroa Rego nasceu em 1935 na cidade de Lisboa. De origem burguesa, frequenta a St. Julian’s School, no Estoril . Em 1954, segue para Londres onde estuda na pintura na “Slade School of Art”. Ai, conhece o pintor ingles Victor Willing, com quem viria a casar. Breve Biografia

Slide 5: 

Fixou residencia em Londres em 1976. Com um grande sucesso internacional, mantem as suas origens ao expor regularmente em Portugal. Com numerosas exposições individuais e colectivas, Paula Rego já arrecadou diversos prémios. É considerada em Inglaterra uma das quatro maiores pintoras vivas do mundo. Breve Biografia

Slide 6: 

Corrente artistica Não se pode identificar uma corrente artística especifica no trabalho de Paula Rego, devido ao facto de ser uma pintora contemporânea. A sua obra é influenciada pelo surrealismo e pelo expressionismo .

Slide 7: 

Imaginação Monumentalidade Ousadia Pertubação Emoção Mistério Caracteristicas O crime do Padre Amaro

Slide 8: 

Caracteristicas Telas de grandes dimensões com figuras grotescas, frequentemente extraídas de contos de fadas, mas tratadas de forma irónica e por vezes cruel. Em Londres liga-a à pop art e às técnicas de colagem, sempre trabalhadas em paralelo com as influências já citadas Paula Rego, Pormenor do quadro O Quarto dos Castigos (1969). Capa da revista Colóquio Artes, número 4, 2. ª série, Outubro de 1971.

Slide 9: 

Pinta também figuras várias, como um cão, um bode ou bonecas de trapos, sempre em espaços diversos onde não há distinção entre o bem e o mal. Aborda vários temas conseguindo realizar obras perturbantemente doçes a ao mesmo tempo assustadoramente agressivas. Caracteristicas

Slide 10: 

A infância mantém-se como o fio condutor das obras desta pintora Em 1980 sobressaiem uma série de telas onde a personagem central é quase sempre uma menina (possivelmente um auto-retrato) Caracteristicas

Slide 11: 

Pinta com os olhos de uma criança que devora histórias antes do sono. Olhar profundo e forma própria de olhar o mundo. Grande capacidade de dissecar e criticar, pintando várias situações da realidade. Caracteristicas Capa de Paula Rego, Edições «O Jornal», 1983

Slide 12: 

Paula Rego, "Salazar a Vomitar a Pátria", 1960, Óleo, FCG., Centro de Arte Moderna, Lisboa Pinturas Tema Política

Slide 13: 

Paula Rego, cães vadios 1965 (Cães de Barcelona) Tema Política Pinturas

Slide 14: 

Tema A guerra Paula Rego, "Mártires", Colagem e Acrílico, 1967, FCG. Pinturas

Slide 15: 

Tema Aborto Paula Rego, Lush Paula Rego, Flood Pinturas

Slide 16: 

Tema “A mulher-cão é sobre o amor, e conta a história como ela é: submissão, amor desvairado, castigo, vingança.” (Paula Rego) Paula Rego, “Mulher Cão”, Pastel de óleo, 1994, Tate Gallery Pinturas

Slide 17: 

Paula Rego, “Macaco Vermelho” (1981) Tema Violência Pinturas

Slide 18: 

Paula Rego, “Pillowman” tríptico de 2006 Tema Encenação Pinturas

Slide 19: 

Paula Rego possui uma obra muita extensa com cerca de 200 obras, entre desenhos, gravuras e enormes telas pintadas a pastel. Alguns dos seus quadros não apresentam titulos, porque segundo a mesma não contam histórias. Baseiam-se em situações quotidianas e reais por isso serem às vezes muito pertubantes. Obra extensa

Slide 20: 

Alem de pinturas, o trabalho da pintora pode tambem ser visto em ilustrações e desenhos. Entre várias exposições, a última delas em Madrid, e muitos prémios de mérito, Paula Rego já deixou certamente uma marca importante no mundo artistico. Obra extensa Livro “As meninas”, com ilustrações de Paula Rega

Slide 21: 

"O que eu pinto é triste? É cru? Acho que não. Pinto a verdade.” "Pintou até ao fim“(Refere-se à morte do marido, que sofria de uma doença degenerativa) "Isso não se perde, não se pode perder!".  (Refere-se à vontade de pintar) "Pinto para dar uma face ao medo“ (Paula Rego) Frases Emblemáticas

Slide 22: 

A crítica “A pintura de Paula Rego tem imaginação, monumentalidade e ousadia. A sua obra perturba e emociona. É misteriosa(…) Ela não se expõe demasiado, é curta nas palavras” (Kátia Guerreiro, fadista) “Cria ambientes tão banais, tão caseiros, que se torna perturbadora” (Mário Matos Ribeiro, Estilista) “É uma artista que resolveu, em fase avançada da carreira, fazer apenas o que lhe apetece. E o que lhe apetece é contar histórias em pintura” (Raquel Henriques da Silva, professora de História da Arte na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa)

Slide 23: 

Exposição Ver Diapositivos Ver Exposição de Madrid

Slide 24: 

Concluimos que Paula Rêgo, é já uma pintora de grandre renome mundial. É muito expressiva nas suas obras e pintal o quotidiano tal e qual como e vê. Sem dúviva que ocupará um lugar na história da arte. Conclusão

Slide 25: 

http://www.mulheresps20.ipp.pt/paula_rego.htm http://www.rtp.pt/ http://www.arlindocorreia.com/060901.html http://www.camjap.gulbenkian.pt/ http://www.netsaber.com.br http://ebicuba.drealentejo.pt http://granada.bloguepessoal.com http://www.mml.cam.ac.uk Netgrafia

authorStream Live Help