Imperio Brasileiro

Views:
 
Category: Education
     
 

Presentation Description

No description available.

Comments

Presentation Transcript

Slide 12:

Os caminhos da Independência

Slide 12:

O domínio colonial português no Brasil trazia benefícios para alguns grupos da sociedade e trazia problemas e desvantagens para outros.

Slide 12:

Estes últimos grupos temiam que o Brasil perdesse as liberdades obtidas com a vinda de d. João . A solução para afastar essa ameaça era libertar o Brasil de Portugal.

Slide 12:

As elites dirigentes se uniram a d. Pedro e romperam com Portugal a 7 de setembro de 1822. Um mês mais tarde d. Pedro I era aclamado imperador.

Slide 12:

O primeiro império D Pedro I governou de 1822 a 1831, período conhecido como Primeiro Reinado ou Primeiro Império. O Brasil tinha muitas dificuldades a enfrentar. Era preciso construir um país. Medidas como o aumento de impostos trouxe descontentamento à população .

Slide 12:

Monarquia ou República : qual a diferença? Na monarquia o poder do rei ou rainha é vitalício ou hereditário. Vitalício porque o monarca governa por toda a vida e hereditário porque o poder passa de pai para filho. Na república , o governo é exercido por um governante eleito por um período determinado . Além disso, o poder não é hereditário , ou seja, não é transmitido de pai para filho.

Slide 12:

A primeira Constituição brasileira Uma das tarefas era a de elaborar uma Constituição para o país. A primeira constituição não foi elaborada por representantes do povo e sim por orientação do próprio imperador. Havia a divisão dos poderes do Estado em quatro:

Slide 12:

Poder Legislativo : encarregado de fazer leis. Função dos deputados e senadores. Poder Executivo : encarregado da administração do Estado. Função do imperador (ou presidente), seus ministros, governadores e prefeitos. Poder judiciário : encarregado de fazer cumprir as leis. Papel dos juízes e dos tribunais. Poder Moderador : permitia que o imperador interferisse nos outros poderes. Não existe mais.

Slide 12:

Limitação da cidadania Além disso, apenas podiam votar e serem votados os homens brancos, maiores de idade e que possuíssem bens. Isso excluía a maior parte da população.

Slide 12:

A abdicação de D. Pedro I A Constituição conferia amplos poderes ao imperador e isto desagradava as elites brasileiras. Quanto mais cresciam os conflitos com os brasileiros, mais d. Pedro se aproximava dos portugueses. As divergências se agravaram de tal maneira que ele não pode mais continuar no comando. Assim, em 1831, abdicou do trono brasileiro e retornou a Portugal.

Slide 12:

De pai para filho D. Pedro deixou seu filho, de apenas 5 anos, como seu sucessor. Como o herdeiro do trono era menor de idade, o país passou a ser governado por regentes. Os governos regenciais não foram capazes de por fim à insatisfação popular. Entre 1831 a 1840, o chamado Período Regencial , ocorreram rebeliões separatistas em várias províncias.

Slide 12:

O perigo do país se dividir fez com que a maioridade do futuro imperador fosse antecipada. Desse modo, em 1840, quando tinha apenas 14 anos de idade, d. Pedro II foi coroado imperador do Brasil, iniciando o Segundo Reinado .

authorStream Live Help