REFERENCIAL_CP

Views:
 
Category: Education
     
 

Presentation Description

Referencial de Cidadania e Profissionalidade

Comments

Presentation Transcript

slide 1:

38 Quadro I Quadro integrador dos Núcleos Geradores e Domínios de Referência - 32 temas. Domínio de Referência Contexto privado Contexto profissional Contexto institucional Contexto macro-estrutural Temas Liberdade e Responsabilidade Pessoal Direitos e Deveres Laborais Democracia Representativa e Participativa Direitos Deveres e Contextos Globais Núcleo Gerador: Direitos e Deveres Domínio de Referência Contexto privado Contexto profissional Contexto institucional Contexto macro-estrutural Temas Aprendizagem ao Longo da Vida Processos de Inovação Associativismo e Movimentos Colectivos Globalização Núcleo Gerador: Complexidade e Mudança Domínio de Referência Contexto privado Contexto profissional Contexto institucional Contexto macro-estrutural Temas Tolerância e Diversidade Processos de Negociação Pluralismo e Representação Plural Mediação Intercultural Núcleo Gerador: Abertura Moral Domínio de Referência Contexto privado Contexto profissional Contexto institucional Contexto macro-estrutural Temas Códigos Institucionais e Comunitários Colectivos Profissionais e Organizacionais Políticas Públicas Identidades e Patrimónios Culturais Núcleo Gerador: Identidade e Alteridade DIMENSÃO DE COMPETÊNCIAS II: COMPETÊNCIAS ÉTICAS Domínio de Referência Contexto privado Contexto profissional Contexto institucional Contexto macro-estrutural Temas Valores Éticos e Culturais Deontologia e Normas Profissionais Códigos de Conduta Institucional Escolhas Morais Comunitárias Núcleo Gerador: Convicção e Firmeza Ética Domínio de Referência Contexto privado Contexto profissional Contexto institucional Contexto macro-estrutural Temas Capacidade argumentativa Capacidade assertiva Mecanismos deliberativos Debates e intervenção pública Núcleo Gerador: Argumentação e Assertividade DIMENSÃO DE COMPETÊNCIAS III: COMPETÊNCIAS SOCIAIS Domínio de Referência Contexto privado Contexto profissional Contexto institucional Contexto macro-estrutural Temas Projectos pessoais e familiares Gestão do trabalho Projectos colectivos Capacidade prospectiva Núcleo Gerador: Programação Domínio de Referência Contexto privado Contexto profissional Contexto institucional Contexto macro-estrutural Temas Preconceitos Estereótipos e Representações Sociais Reconversões Profissionais e Organizacionais Instituições e Modelos Institucionais Opinião Pública e Reflexão Crítica Núcleo Gerador: Reflexividade e Pensamento Crítico DIMENSÃO DE COMPETÊNCIAS I: COMPETÊNCIAS COGNITIVAS

slide 2:

1.3. Unidades de Competência e Critérios de Evidência Capítulo II ÁREAS DE COMPETÊNCIAS-CHAVE 39 1. CIDADANIA E PROFISSIONALIDADE Unidade de Competência 1: Identificar direitos e deveres pessoais colectivos e globais e compreender da sua emergência e aplicação como expressões ora de tensão ora de convergência. Núcleo Gerador: Direitos e Deveres Competências Critérios de Evidência Reconhecer constrangimentos e espaços de liberdade pessoal • Identificar situações de autonomia e responsabilidades partilhadas. • Compreender as dimensões inerentes à construção e manutenção do Bem Comum: Bem individual vs. Bem público na comunidade. • Explicitar situações de liberdade e responsabilidade pessoal. Assumir direitos laborais inalienáveis e responsabilidades exigíveis ao/à trabalhador/a • Identificar direitos laborais em confronto com direitos económicos e/ou de mercado. • Interpretar direitos através do Código do Trabalho. • Reconhecer a expressão dos direitos sociais e laborais. Reconhecer o núcleo de direitos fundamentais típico de um Estado democrático contemporâneo • Identificar direitos fundamentais. • Interpretar direitos através da Constituição da República Portuguesa. • Explorar direitos relevantes com a apresentação de propostas de articulação entre representatividade e participação. Elencar direitos e deveres na comunidade global • Identificar a sustentabilidade da comunidade global. • Reflectir sobre os direitos fundamentais através da Declaração Universal dos Direitos do Homem e outros documentos-chave. • Ser capaz de dialogar argumentar e participar num vasto universo social de situações reconhecidas. DR2 DR1 DR3 DR4

slide 3:

40 Unidade de Competência 2: Relacionar-se de modo confiante com a complexidade da informação identificando diferentes ângulos de leitura e diferentes escalas da realidade. Núcleo Gerador: Complexidade e Mudança Competências Critérios de Evidência Contextualizar situações e problemas da vida quotidiana e integrar as suas diferentes dimensões • Identificar situações de conflito e distinguir posições em confronto. • Organizar reformular e gerir informação diversa face a uma dada realidade. • Interagir com diferentes actores em contexto doméstico integrando informação diversa e soluccionando conflitos. DR1 Exercer iniciativa e criatividade em novos processos de trabalho • Identificar novos processos de trabalho. • Relatar a insuficiência dos suportes técnicos/organizacionais nos processos de trabalho e de adaptação a situações inesperadas. • Explorar e utilizar as TIC para acesso a dados e respectiva triagem. DR2 Identificar constrangimentos à construção de dinâmicas associativas e actuar criticamente face a esses obstáculos • Descodificar e distinguir opiniões em diferentes níveis de análise. • Analisar a fraca mobilização associativa ou rigidez institucional e as formas de as ultrapassar. • Compreender a organização e a dinamização de colectivos distintos. DR3 • Identificar factores e dinâmicas de globalização. • Descrever casos de intervenção em escala macro-social. • Reconhecer instâncias supranacionais e formas de participação/ intervenção. Reconhecer factores e dinâmicas de globalização DR4

slide 4:

Capítulo II ÁREAS DE COMPETÊNCIAS-CHAVE 41 1. CIDADANIA E PROFISSIONALIDADE Unidade de Competência 3: Questionar e desconstruir preconceitos próprios e estereótipos sociais. Núcleo Gerador: Reflexividade e Pensamento Crítico Competências Critérios de Evidência Assumir preconceitos pessoais na representação dos/as outros/as e demonstrar capacidade de os desconstruir • Identificar vivências em que existiu a necessidade de contornar situações adversas. • Explorar a capacidade de questionamento. • Reconhecer estereótipos e representações sociais e propor alternativas. DR1 Reconhecer os limites pessoais no desempenho profissional e seu questionamento à luz de uma cultura de rigor • Identificar e comparar criticamente dinâmicas organizacionais. • Explicitar situações práticas de postura ética profissional. • Explorar e questionar o impacto de modelos organizacionais no desempenho profissional. DR2 Mapear diferentes modelos institucionais de escala local e nacional e reconhecer o seu conteúdo funcional • Identificar diferentes modelos institucionais. • Comparar criticamente diversos modelos institucionais. • Explorar conteúdos funcionais face a diferentes escalas institucionais. DR3 • Identificar estereótipos culturais na comunicação social. • Evidenciar distanciamento e reflexão à luz de diferentes perspectivas culturais. • Compreender a formação da opinião pública à luz das diversas perspectivas presentes. Identificar estereótipos culturais e sociais compreendendo os mecanismos da sua formação e revelando distanciamento crítico DR4

slide 5:

42 Unidade de Competência 4: Valorizar a diversidade e actuar segundo convicções próprias. Núcleo Gerador: Identidade e Alteridade Competências Critérios de Evidência Reconhecer princípios de conduta baseados em códigos de lealdade institucional e comunitária • Demonstrar empatia e reacção compassiva e solidária face ao outro. • Interpretar códigos deontológicos. • Relatar princípios de conduta e emitir opinião fundamentada. DR1 Exprimir sentido de pertença e de lealdade para com o colectivo profissional • Identificar pertença e lealdade em contextos vários. • Explicitar situações profissionais de relacionamento com desafios multiculturais. • Expressar-se e agir face a pessoas grupos ou organizações de âmbito multicultural segundo uma lógica inclusiva. DR2 Identificar e avaliar políticas públicas de acolhimento face à diversidade de identidades • Identificar a diversidade de políticas públicas na sociedade. • Relacionar direitos políticos e associativos. • Situar-se face à inclusão da população migrante. DR3 • Reflectir sobre as implicações sociais do património comum da humanidade. • Discutir e avaliar o papel das/os cidadãs/cidadãos no mundo actual: relações jurídicas no marco de integração supranacional e dimensão supranacional dos poderes do estado face às/aos cidadãs/cidadãos. • Expressar e demonstrar respeito e solidariedade pelas diferentes identidades culturais. Relacionar património comum da humanidade com interdependência e solidariedade DR4

slide 6:

Capítulo II ÁREAS DE COMPETÊNCIAS-CHAVE 43 1. CIDADANIA E PROFISSIONALIDADE Unidade de Competência 5: Avaliar a realidade à luz de uma ordem de valores consistente e actuar em conformidade. Núcleo Gerador: Convicção e Firmeza Ética Competências Critérios de Evidência Distinguir as várias hierarquizações de valores escolher e reter referentes éticos e culturais • Identificar diferentes valores culturais. • Argumentar e contra-argumentar em contextos de tensão cultural. • Intervir em contextos de tensão cultural. DR1 Adoptar normas deontológicas e profissionais como valores de referência não transaccionáveis em contextos profissionais • Identificar deontologia e normas profissionais. • Reconhecer valores de referência em organizações distintas. • Actuar criticamente sobre práticas/posturas sociais articulando responsabilidade pessoal e profissional. DR2 Identificar a convicção e firmeza ética como valores necessários para o desenvolvimento institucional • Identificar valores necessários para o desenvolvimento institucional. • Explorar posturas valorativas em contexto organizacional. • Contribuir para a construção de um código de conduta ético. DR3 • Identificar condutas solidárias. • Posicionar-se através de um julgamento informado acerca de diferentes escolhas morais. • Empenhar-se na preservação da herança cultural da humanidade. Elencar escolhas morais básicas para a comunidade global: dignidade vs. desumanidade desenvolvimento vs. pobreza justiça vs. assimetria ... DR4

slide 7:

44 Unidade de Competência 6: Adoptar a tolerância a escuta e a mediação como princípios de inserção social. Núcleo Gerador: Abertura Moral Competências Critérios de Evidência Identificar exigências de tolerância e actuar em conformidade • Identificar valores democráticos. • Reconhecer a exigência de tolerância na conduta pessoal. • Demonstrar disponibilidade para aceitar/tolerar diferentes formas de estar. DR1 Assumir princípios de negociação escuta activa e respeito por intervenções e ideias diversas • Identificar processos de negociação e intervenção. • Adoptar atitudes de abertura e cooperação em contextos profissionais. • Intervir com assertividade em contextos profissionais. DR2 Assumir o pluralismo como um valor da comunidade política • Identificar formas plurais de um ponto de vista institucional. • Relacionar a comunidade política e a representação plural. • Mobilizar um projecto de intervenção. DR3 • Identificar e ultrapassar dificuldades face a situações concretas de estereotipização e de preconceito social. • Reconhecer e explorar juízos críticos díspares. • Contribuir para a construção de um guia de boas práticas de mediação intercultural. Relacionar-se com a diversidade cultural segundo uma lógica de interacção e mediação DR4

slide 8:

Capítulo II ÁREAS DE COMPETÊNCIAS-CHAVE 45 1. CIDADANIA E PROFISSIONALIDADE Unidade de Competência 7: Capacidade de intervenção pública em contextos de antagonismo de pontos de vista. Núcleo Gerador: Argumentação e Assertividade Competências Critérios de Evidência Calibrar a iniciativa argumentativa própria com o acolhimento de pontos de vista divergentes • Identificar a necessidade de reflexão crítica face a pontos de vista diferenciados. • Reconhecer talentos internos de abertura e receptividade a outros pontos de vista. • Explorar situações de interacção argumentativa. DR1 Identificar e compreender a interacção dos vários âmbitos problemáticos do dia-a-dia • Identificar processos profissionais e pessoais em interacção controversa. • Reconhecer a necessidade de participação assertiva em âmbitos de vida distintos. • Capacidade de elaborar um plano de acção pessoal em situações profissionais e pessoais complexas. DR2 Participar activamente em instituições deliberativas de escala diversa • Identificar diferentes escalas institucionais. • Compreender múltiplos mecanismos deliberativos. • Explorar a disponibilidade para participar em projectos diversificados. DR3 • Identificar formas de resolução de conflitos numa escala de intervenção pública. • Distinguir formas democráticas de intervenção pública. • Explorar a intervenção em debates públicos. Intervir em debates públicos DR4

slide 9:

46 Unidade de Competência 8: Conceber e desenvolver projectos pessoais e sociais. Núcleo Gerador: Programação Competências Critérios de Evidência Pensar prospectivamente a vida pessoal • Identificar formas de gestão da vida pessoal. • Planificar e optimizar projectos pessoais e familiares. • Explorar recursos para uma gestão estratégica pessoal. DR1 Mobilizar vários saberes para resolução de problemas profissionais complexos • Identificar formas de gestão da vida profissional. • Mobilizar novos saberes e elaborar alternativas face a problemas profissionais. • Planificar propor e trabalhar diferentemente em contextos que envolvam equipas reduzidas ou alargadas. DR2 Conceber desenvolver e cooperar em projectos colectivos • Identificar projectos colectivos. • Planificar estratégias de desenvolvimento de projectos. • Cooperar em contextos não formais e não directivos. DR3 • Identificar contextos macro-sociais de incerteza e ambiguidade. • Seleccionar opções de comportamento que assumam a mudança como um desafio desejável face às alterações globais. • Adoptar mudanças de estilo de vida motivadas por riscos globais ex: alterações climáticas. Posicionar-se prospectivamente em contextos macro-sociais de incerteza e ambiguidade DR4

authorStream Live Help