CEUZINFERNOS

Views:
 
     
 

Presentation Description

No description available.

Comments

Presentation Transcript

Slide 1:

C É U Z I N F E R N O S

Slide 2:

C É U Z I N F E R N O S

Slide 3:

Eu sou o Amor... Abra a Porta Alma! Quero te mostrar o Paraíso Quero te mostrar que ter juízo Não significa se privar de um só prazer Muito menos eliminar o Ter pro Ser Quero te mostrar que ter pudor Não é prova que comprova ser decente Pois o indecente é se esquivar ao amor!

Slide 4:

Abra a Porta Alma – Sou a Paixão! Sou eu quem faz vibrar o seu coração Sou eu que às vezes chamas de loucura De sua sede de amar sou sempre a cura Que não raro, te libero a ser impura Que te ensino a dizer Sim e nunca Não Que reviro os seus olhos com tesão!

Slide 5:

Sou a Felicidade Alma... Deixe-me entrar! Uma vez estando em ti – serás amada E amarás sem pensar que está errada E em cada dia eu me aumentarei em ti De tal forma que nunca envelhecerás E um futuro bem feliz é o que terás E mais que isso, SER feliz é o que serás!

Slide 6:

Sou o Ciúmes Alma – Vou entrar! Venho a mando da Paixão que te devora Sem passado – sem futuro – sou o agora E sem mim, sua relação com seu amado Com o tempo se tornará uma caretice sem importar o que se fala ou quem disse E morrerás na tal mesmice da mesmice

Slide 7:

Confie em Mim Alma deixe-me entrar Sou a Confiança! Habitando em seu ser sempre terás Os belos sonhos quais os de u’a criança E por mais que possam haver problemas Em ti nunca comigo faltará a esperança Não terás medo de seu Amado perder E com certeza, muito mais amada vai ser!

Slide 8:

Estou em ti Alma – sou a permissividade! Podes agora fazer tudo de sua vontade Em meu nome e de sua excelsa liberdade Pode até navegar na promiscuidade Esquecer o que chamam de ter recato Liberar seu instinto animal e sexual Sem pensar que isso seja errado ou mal!

Slide 9:

Alma – Deixe-me entrar – sou o Perdão! Não é porque estou em ti que pode errar Mas Humana – sabes que isso acontece E para que não carregue a nefasta culpa Que maltrata e faz sofrer um coração Sempre poderás me usar e aprenderás Como serás mais feliz dando o Perdão!

Slide 10:

Possessividade eu Sou. Deixe-me entrar Alma que nesse corpo faz morada! De que adianta Você viver até morrer Passar a Vida, sem dizer - Você É meu! Mesmo quando a sua voz só virar tosse O seu Amante, será SEU e – sua posse Que dominarás segundo seu bel prazer Fazendo Amor, quando lhe apetecer!

Slide 11:

E nessas falas que Minh’Alma junto com o corpo Se debatiam nas contradições das Dualidades Alguém bate à Porta, e com a Voz mais sensual Que ultrapassa todas as barreiras do bem e mal Ouve-se a Voz: - Sou o Amor... O Amor do Amor – Deixe-me entrar! E por favor, deixe a Porta aberta doravante O Amor Primeiro que entrou em seu coração Lá fica preso sem eu que sou o Amor em Ação! E nessas falas que Minh’Alma junto com o corpo Se debatiam nas contradições das Dualidades Alguém bate à Porta, e com a Voz mais sensual Que ultrapassa todas as barreiras do bem e mal Ouve-se a Voz: - Sou o Amor... O Amor do Amor – Deixe-me entrar! E por favor, deixe a Porta aberta doravante O Amor Primeiro que entrou em seu coração Lá fica preso sem eu que sou o Amor em Ação!

Slide 12:

Terás na Vida muitas vezes que mergulhar Nos 9 Circulos de seu Inferno que é particular E dentre gemidos dos prazeres mais desejados Sentirás na pele o fogo com terríveis dores E ainda assim, estarão contigo todos os amores Onde se inclui o maior Amor que vivenciou E que no fundo foi quem pra lá te mandou!

Slide 13:

E como se livrará do fogo de seu Hades particular? Onde estarás no maior flagelo e indescritível dor? Ah... Saibas que lá é que encontrarás D e u s Te dando a mão ELE – que É “O Inventor do Amor”! E como se livrará do fogo de seu Hades particular? Onde estarás no maior flagelo e indescritível dor? Ah... Saibas que lá é que encontrarás D e u s Te dando a mão ELE – que É “O Inventor do Amor”!

Slide 14:

C R É D I T O S Formatação e Art: Zeca Feliz Avelar Ins-Piração: Zeca Feliz Avelar * * Após leitura de “O 5º Inferno” de Autoria da Poeta Claudia Campelo Imagens Acervo Pessoal: Zeca Feliz Fundo Musical: No Woman no Cry by: Bob Marley – Jorge Nolla (Guitar)

authorStream Live Help