slides_gravidez_adolescencia

Views:
 
Category: Entertainment
     
 

Presentation Description

No description available.

Comments

Presentation Transcript

Slide 2: 

CAMPANHA DE PREVENÇÃO DA GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA

Slide 3: 

CODESC Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Cianorte CÂMARA DA SAÚDE

Slide 4: 

ENTIDADES QUE COMPÔEM A CÂMARA DA SAÚDE Pastoral da Criança Secretaria Municipal de Saúde 13ª Regional de Saúde APMI Conselho Tutelar Pastoral da Saúde Secretaria de Bem Estar Social Associação Promocional e Assistencial Rainha da Paz CEMIC São José APAE Núcleo Regional de Educação Pastoral Catequética Conselho Municipal de Saúde Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente Pastoral do Adolescente Pastoral Familiar Pastoral da Juventude Pastoral do Menor UNIPAR (Campus Cianorte)

Slide 5: 

DADOS: 1 Milhão de meninas brasileiras engravidam a cada ano; 200 mil dessas meninas terminam a gravidez em aborto; Fonte: FNUAP (Fundo de População das Nações Unidas) 100 mil adolescentes brasileiros vivem e trabalham nas ruas; Fonte: UNICEF 68% dos adolescentes tem vida sexual ativa; Fonte: DUREX, 1998

Slide 6: 

16% das adolescentes internadas no SUS, são para dar à luz; Fonte: DATASUS 80% das adolescentes que dão à luz sem um acompanhamento diferenciado no PRÉ-NATAL, voltam a engravidar Das adolescentes que tiveram acompanhamento diferenciado no PRÉ-NATAL, e com acompanhamento psicológico, 30% voltaram a engravidar; Fonte: SMS-SP e OMS

Slide 7: 

PESQUISA ENTRE 2337 ADOLESCENTES: 74,7% acham certo ter relações sexuais na adolescência; 59,3% acham que a relação sexual faz parte do namoro; 52,9% acham que a virgindade não é um valor importante; 49,6% nunca usaram preservativo; Fonte: SMS-SP e OMS

Índice de Partos Por Faixa Etária : 

Índice de Partos Por Faixa Etária Fonte: SINASC / CIDS / SESA / SMS Cianorte

Óbitos perinatal - neonatal : 

Óbitos perinatal - neonatal No ano 2000 tivemos 16 óbitos em Cianorte em crianças menores de 01 ano, sendo que: - 10 perinatais; - 02 neonatais; - 04 m. infantil tardia. 06 dos 16 casos ocorrerão em mães adolescentes. (14/19) Fonte: SMS/Cianorte. 13ª RS

Conseqüências da Gravidez na Adolescência : 

Conseqüências da Gravidez na Adolescência Psicológicas Biológicas Sociais

Slide 11: 

Abandono escolar. A gravidez é a principal razão de abandono escolar em adolescentes entre 15 e 19 anos; Fonte: BENFAM A adolescente fica alienada com relação à gravidez e sem conseqüência de sua responsabilidade; Gravidez de risco: em muitos casos o corpo da adolescente não está totalmente preparado para a gravidez; Afastamento dos amigos; Incompreensão dos familiares; Abortamento; Prostituição; Casamento por conveniência; Ser mãe/menina solteira; Dar a criança para adoção; Abandono do lar; Mais uma criança para os avós criarem;

OBJETIVO GERAL : 

OBJETIVO GERAL Reduzir a médio e longo prazo o índice de Gravidez na Adolescência no município de Cianorte;

OBJETIVOS ESPECÍFICOS : 

OBJETIVOS ESPECÍFICOS Gerar informações aos adolescentes sobre a sexualidade, prevenção da gravidez precoce e DSTs; Realizar pesquisa sobre o tema Gravidez na Adolescência nas Escolas, Associação Rainha da Paz e Grupos de Adolescentes, com o objetivo de levantar indicadores sobre o tema da sexualidade e Gravidez na Adolescência; Confeccionar uma cartilha que esclareça as dúvidas dos adolescentes sobre o tema; Formar equipe multidisciplinar para organizar e avaliar os trabalhos, que serão desenvolvidos pelas várias entidades que compõe a Câmara da Saúde; Criar uma Home Page da Campanha com informações sobre o tema da Gravidez na Adolescência e suas conseqüências;

Slide 14: 

Sugerir ao município/Secretarias afins a geração de infra-estrutura que leve os adolescentes a sair da ociosidade; Formar grupos de diálogos entre adolescentes para discutir o assunto “Gravidez na Adolescência e suas conseqüências; Formar rodas de conversas nos bairros, levando a comunidade a sentir-se transformadora da realidade em que vive; Criar “oficinas” nos bairros para formação de adolescentes que serão formadores de opinião no meio em que vivem; Incentivar a formação de grupos de teatros, dança e esportes nos bairros, entre os adolescentes; Sugerir a viabilização de uma sala especial no Posto de Saúde para atendimento às gestantes de risco, inclusive as gestantes adolescentes com acompanhamento psicológico; Levantar dados estatísticos: constituição familiar, local de moradia, renda, escolaridade, ocupação e situação conjugal das adolescentes grávidas.

Slide 15: 

Por estes e outros motivos é que: Adolescência sem Filhos é muito mais LEGAL Adolescência sem Filhos é muito mais LEGAL

APOIO : 

APOIO