Aula 6 -Assistência ao parto normal

Views:
 
Category: Entertainment
     
 

Presentation Description

No description available.

Comments

Presentation Transcript

ASSISTÊNCIA AO PARTO NORMAL : 

ASSISTÊNCIA AO PARTO NORMAL Enfª Lilian Pinheiro

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Fatores Hormonais que causam o aumento das contrações Uterinas. 1.1- Estrogênio e progesterona

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal 1.2- Oxitocina Desencadeia contração uterina. É utilizada de maneira artificial para a indução do parto.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal 2. Fatores mecânicos que aumentam a contratilidade uterina.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal 3. Teoria de retroalimentação positiva do mecanismo do parto.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal 4. Períodos clínicos ou fases clinicas do parto. 1º. Período- Dilatação 2º. Período- Expulsão 3º Período- Dequitação 4º Período- Período de Greenberg

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal 5. Mecanismo do Parto Os tempos do mecanismo do parto são: Insinuação Caracteriza a passagem da maior circunferência de apresentação (pólo cefálico) pelo estreito superior. A insinuação pode ocorrer gradativamente durante as ultimas semanas da gravidez, especialmente em primíparas.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Encaixamento ou acomodação Caracteriza a penetração do pólo cefálico na pelve, em seu maior diâmetro. Descida Se estabelece desde a acomodação, terminando com a expulsão total do feto.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Flexão Caracterizada pela flexão da cabeça em relação ao corpo, isto é, quando o queixo aproxima-se do tórax. Rotação interna Caracterizada quando o feto gira dentro da pelve da mãe para adaptar seus maiores diâmetros aos diâmetros da pelve materna. Normalmente são necessárias várias contrações para a ocorrência de uma rotação completa.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Deflexão Caracterizada pela extensão da cabeça para se desprender dos órgãos genitais externos. Rotação externa Caracterizada pelo giro que a cabeça do feto realiza em torno de seu próprio eixo fora da bacia materna, fazendo com que o occipício posicione-se ao lado da coluna vertebral, configurando o movimento de reconstituição.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Expulsão Caracterizada pala liberação dos ombros e, posteriormente, do restante do corpo.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal 6. Relação contração - dor - contração

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal 7. Cuidados de enfermagem no trabalho de parto. Orientar a parturiente de todos os procedimentos a serem realizados. Providenciar material necessário aos exames e procedimentos, como: luvas, lubrificantes, estetoscópio de Pinard ou sonar, amniótomo, etc. Avaliar regularmente os BCFs. Os BCFs diminuem quando coincidem com a intensidade máxima das contrações. BCFs abaixo de 100 bpm podem indicar sofrimento fetal

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Observar a dinâmica uterina. Manter a higiene corporal da parturiente. Orientar a parturiente para que relaxe e respire profunda e pausadamente nos intervalos das contrações. Manter a parturiente, preferencialmente, em DLE. Estar atento às infusões venosas.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Encaminhá-la ao banho morno o qual promoverá relaxamento da musculatura uterina, contribuindo com o período de dilatação (exceto se a dilatação estiver muito adiantada). Verificação periódica dos sinais vitais. Observar e controlar as secreções vaginais (quantidade e aspecto). Anotar o horário do rompimento da bolsa.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Oferecer dieta líquida, principalmente sucos e chás para a parturiente, se não houver contra-indicação médica. Estimular a deambulação sempre que possível, pois a mesma encurta a 1ª fase do trabalho de parto, além de diminuir a necessidade de parto a fórcipe. Encaminhar a parturiente ao Centro Obstétrico, junto com seu prontuário.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Estar atento, comunicando imediatamente ao médico e/ou enfermeiro, situações de: Alterações das contrações uterinas, Alterações dos BCFs, Eliminação de mecônio no líquido amniótico, pois o mesmo representa sofrimento fetal, Distensão da parede uterina, Hemorragias vaginais.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal 8. Cuidados de enfermagem durante o parto Encaminhar a parturiente à sala de parto e colocá-la na mesa de parto ou conforme rotina da instituição. Manter o berço aquecido. Verificar se o material e instrumentos cirúrgicos a serem utilizados estão completos: Capote Bisturi

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Luvas estéreis Pinças (Kocher, Kelly, anatômica, Allis) Perneiras Porta-agulha Campos Fios e agulhas de sutura Compressas Cuba redonda com anti-sépitico

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Gazes Vidros para coleta de sangue do cordão Anestésico a 1% Pêra ou sonda para aspiração Clamp ou cordão Seringas Agulhas

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Auxiliar na paramentação do médico ou enfermeiro obstetra Ligar e posicionar o foco de luz Incentivar a parturiente a fazer força para baixo no momento das contrações e a relaxar e respirar pausadamente no intervalo entre elas. Administrar medicações conforme a necessidade. Oferecer apoio emocional à parturiente.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal 8.1 Cuidados de enfermagem após a dequitação Providenciar peso da placenta e identificá-la. Providenciar laqueadura do cordão, (conferir se existem 2 artérias e uma veia) Limpar a região genital após a liberação da paciente. Realizar movimentação passiva dos MMII. Passar a paciente para a maca. Verificar SSVV, sangramento vaginal.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Observar infusões venosas. Anotar no prontuário da parturiente: horário e tipo de parto, presença ou não de epsiotomia e episiorrafia, sexo, Apgar, intercorrências com o RN, dequitação e sangramento, peso da placenta, se foi ou não colhido o sangue do cordão, nome dos profissionais que assistiram ao parto, bem como do médico ou enfermeiro obstetra, do neonatologista e do técnico ou auxiliar de enfermagem circulante.

Assistência ao Parto Normal : 

Assistência ao Parto Normal Encaminhar a paciente ao leito, junto com o prontuário. Anotar o parto no livro do centro obstétrico Preparar a sala para o próximo parto.

authorStream Live Help