Símbolos Oficiais

Views:
 
Category: Education
     
 

Presentation Description

No description available.

Comments

Presentation Transcript

Slide 1: 

Símbolos Oficiais Do Município

Slide 2: 

Por meio da Deliberação nº 557/69, de 10 de setembro de 1969, aprovada pela Câmara de Vereadores e sancionada pelo Prefeito, Dr. Osmar Leitão Rosa, foram instituídos o Brasão Heráldico e a Bandeira do Município de São Gonçalo.    Brasão do Município de São Gonçalo: Bandeira do Município de São Gonçalo:

Slide 3: 

Hino do Município de São Gonçalo O Hino Oficial de São Gonçalo foi cantado em público pela primeira vez em dia 22 de setembro de 1970, no pátio da Prefeitura Municipal. Era a solenidade cívica comemorativa ao 90º Aniversário da Emancipação Político-Administrativa de São Gonçalo e o hino foi apresentado pelo Coral de Alunos do Colégio Municipal Presidente Castello Branco e do Colégio São Gonçalo, sob a regência do professor Elias Silva . Em 30 de julho de 1970, através da deliberação Municipal nº 567/70, o Hino Municipal foi instituído. Os versos liricos do Prof. Geraldo Pereira Lemos convertem em palavras o sentimento gonçalense de coragem, bravura e confiança no futuro. O maestro Joyleno dos Santos musicou os versos do Prof. Geraldo, tornando-o cântico dos corações orgulhosos do povo desta terra "...mui singela...".  A letra do Hino foi escrita pelo professor Geraldo Pereira Lemos , o poeta que mais tem cantado a Terra Gonçalense. A melodia é de autoria do clarinetista e maestro Jayoleno dos Santos , que levou o nome de São Gonçalo até a Orquestra Sinfônica Brasileira.

Slide 4: 

São Gonçalo, cidade mui singela  Erguida nos encantos de aquarela,  Namorada de nós os gonçalense...  Cidade que cresce dia-a-dia,  Monumental eternal, sol de alegria,  Orgulho bem maior dos fluminenses...  (Estribilho)  Teu passado, cidade, foi honroso,  Teu futuro será maravilhoso,  E o teu presente fúlgida verdade...  Teu povo sempre ordeiro e liberal  Semeia no teu seio maternal  As propícias sementes da bondade...  Tens usinas com muitas chaminés  Que logo dizem prontas quem tu és;  Oficina onde bate rijo o malho...  Macedo, Palmier, eis o talento,  Estephânia, ó que grande monumento,  Eis homens fortes, prontos ao trabalho...  (Estribilho)  Tens igrejas festivas, cujos sinos  Bimbalham puros sons, bem cristalinos,  Da cidade fazendo pompa e glória...  Em Neves, Alcântara ou Gradim,  Certamente esta graça tu tens sim,  A graça que engalana a tua história...  Letra: Prof. Geraldo Pereira LemosMúsica: Maestro Joyleno dos Santos Letra do Hino de São Gonçalo

authorStream Live Help